AO VIVO gitanimator
16:45 - 17:15 Na Cozinha

O Programa Na Cozinha traz os mais diversos pratos da cultura brasileira de forma descomplicada. Apresentado por Márcia Kappes, aqui você aprender e surpreender com os melhores pratos.

14:00 - 14:45 Caldeirão do Bruxo

Para deixar suas tardes ainda mais quentes com as melhores fofocas, Caldeirão do Bruxo, contando os babados, noticiando os fatos de celebridades, políticos, e personalidades com ele, Messias Bruxo.

10:30 - 13:30 Programa do Pop

O Programa do POP é uma revista eletrônica que transmite informação com clareza e dinamismo. No Programa do POP você tem a notícia em primeira mão.

10:00 - 10:30 Treino Aberto
https://cdn.tvcidadeverde.com.br/storage/webdisco/2023/09/02/80x60/2f3695a2941b737e6fc31ac8e860889d.png

O Treino Aberto é o seu de esportes, porta voz do futebol amador, com apresentação de Everton Moreno.

08:55 - 09:00 Shopping Cidade

09:55 - 10:00 Shopping Cidade

12:55 - 13:00 Shopping Cidade

16:40 - 16:45 Shopping Cidade

17:55 - 18:00 Shopping Cidade

18:55 - 19:00 Shopping Cidade

20:25 - 20:30 Shopping Cidade

21:25 - 21:30 Shopping Cidade

02:30 - 02:35 Shopping Cidade

04:25 - 04:30 Shopping Cidade

15:45 - 16:40 Pregação

16:45 - 17:15 Na Cozinha

19:00 - 20:25 Passando A Limpo

17:30 - 17:55 Programa Estilo

20:30 - 21:25 Programa da Gente

21:30 - 22:00 Programa Estilo

22:00 - 23:00 Cidadão Consumidor

23:00 - 23:15 AutoShow

23:00 - 23:15 AutoShow

23:15 - 00:15 Estúdio Ao Vivo

00:15 - 00:45 Caldeirão do Bruxo

01:00 - 01:30 Treino Aberto

01:30 - 02:00 Caiu na Rede

02:35 - 04:25 Cidade Kids

14:30 - 15:15 Caiu na Rede

14:45 - 15:45 Nossa República

07:00 - 08:00 Bate Papo

08:30 - 10:00 Manhã com Sabor

07:00 - 08:30 Jornal da Cidade

Notícias

Qui - 20 de Junho de 2024
113.png

Política Terça-feira, 24 de Outubro de 2023, 09:04 - A | A

Terça-feira, 24 de Outubro de 2023, 09h:04 - A | A

Empresa suspeita depositou R$ 176 mil para esposa de secretário

Antônio Fernando, da Log Lab, fez depósitos na conta de Carine Luckmann, mulher de Júnior Leite

Jaqueline Hatamoto

[email protected]

Jornalista e repórter do Grupo TV Cidade Verde

R$ 176 mil esse foi o valor depositado pelo empresário Antônio Fernando Ribeiro Pereira, na conta corrente de Carine Luckmann, mulher do secretário Municipal de Limpeza Urbana, Júnior Leite. O valor aparece no inquérito da Polícia Federal  que investiga as transações suspeitas da empresa Log Lab Inteligência Digital e a Prefeitura de Cuiabá. 

 A empresa Log Lab foi alvo da Operação Iterum, da PF, suspeita de desvio de R$ 13 milhões de verbas federais através de contratos com a gestão do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB).  Entre 2017 e 2021, a Prefeitura pagou o total de R$ 48.475.595,32 à Log Lab.

Segundo a PF, os depósitos para a conta de Carine Luckmann estão entre as transações suspeitas, que podem indicar lavagem de dinheiro. As transferências foram feitas entre janeiro de 2018 e junho de 2020.

“A Log Lab Inteligência Digital enviou valores para pessoas próximas de servidores públicos municipais, emitiu cheques fracionados em valores próximos a R$ 50 mil, assim como realizou transações imobiliárias suspeitas”, diz a investigação da PF.

Chamaram a atenção do COAF (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) as expressivas movimentações em espécie, por meio de valores fracionados, e transferências de valores para empresas de diversos segmentos, aparentemente inativas.

Prefeitura pagou R$ 48 milhões

 Segundo consta no site da Prefeitura de Cuiabá, Júnior Leite assumiu a Limpurb em fevereiro de 2022. Antes disso, ele ocupou os cargos de secretário-adjunto de Cultura, Esporte e Turismo, de janeiro a julho de 2017; de secretário Extraordinário dos 300 anos, em agosto de 2017; e de secretário de Inovação e Comunicação, em 2018. 

 De acordo com a Polícia Federal, a Log Lab Inteligência Digital recebeu da gestão Emanuel Pinheiro, entre 2017 a 2021, o total de R$ 48.475.595,32, sendo dessa quantia R$ 16.965.551,06 originados de recursos Federais.

 “Segundo dados de Relatórios de Inteligência Financeira, há grande movimentação de recursos em espécie pela empresa Log Lab, principalmente em forma de saques pelo sócio Antônio Fernando. Além disso, há expressivo repasse de recursos da Log Lab para empresas desconexas com a área de atuação e algumas outras, como é o caso da empresa Global Genesis, possivelmente são empresas de fachada, podendo sinalizar um esquema de tentativa de ocultar o real destino final do dinheiro”, diz relatório da PF.

 A Polícia Federal acusa a Log Lab de crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e fraude ao caráter competitivo de licitação.

Segundo as investigações, os serviços eram pagos, mas não eram prestados. As investigações constataram que os fiscais dos contratos não tinham qualquer tipo de informação acerca da prestação dos serviços.

 

Comente esta notícia

institucional
facebook instagram tiktok whatsapp

Av. Archimedes Pereira Lima, 1200 - Jardim Itália, [email protected]

(65) 3612-0012